quinta-feira , 14 dezembro 2017
Capa > Gestão > RH > Os benefícios do coaching durante transições da carreira e da vida

Os benefícios do coaching durante transições da carreira e da vida

Entenda como um coach pode ajudar você a planejar e realizar suas metas, objetivos e sonhos

É muito comum que, em determinado momento da vida, uma pessoa comece a sentir o desejo e/ou necessidade de mudar. Esse sentimento é característico de um processo de transição e, em âmbito profissional, geralmente acontece quando o indivíduo sente que já atingiu o seu nível máximo de desenvolvimento em uma determinada empresa ou quando existe uma grande insatisfação dentro da área e em relação ao trabalho que realiza.

Hoje em dia, com a mudança significativa no cenário empresarial e econômico, muitas pessoas pensam em empreender ou mesmo desenvolver um perfil mais autônomo, como consultor, mas para dar um passo como este é essencial buscar o autoconhecimento para que o mesmo faça esta transição com mais preparo e planejamento.

Desta forma, o coaching pode ser considerado um processo que traz grandes benefícios, uma vez que visa auxiliar os profissionais em momentos de análise e decisão sobre riscos e oportunidades para suas carreiras. Este processo de reflexão pode ser desencadeado por diversas situações nas quais os profissionais necessitem de auxílio em suas carreiras, seja pelo desejo por um novo desafio ou mesmo por necessitar de uma orientação profissional que permita resultados mais objetivos e consistentes.

O processo de coaching também é bastante útil quando os profissionais sentem dificuldade em se recolocar no trabalho. Estão desgastados e perdidos, pois não entendem quais são os obstáculos que os impede de conquistar uma nova oportunidade. “Parece tão óbvio, mas uma das principais dificuldades que percebo em meus clientes é não saber apresentar a sua trajetória e suas competências. Existem profissionais que passam anos dentro de organizações que não favoreceram este autoconhecimento e quando eles voltam ao mercado de trabalho, normalmente, sentem esta dificuldade”, afirma Deborah Toschi, coach de carreira e vida.

Existem aqueles profissionais da geração Z, que compreende os nascidos entre o fim de 1992 a 2010, e está ligada intimamente à expansão exponencial da internet e dos aparelhos tecnológicos. Com um mundo tão imenso de opções, eles muitas vezes se sentem perdidos em qual caminho seguir. Por outro lado, os profissionais da geração X, que são os que nasceram no início de 1960 até o início dos anos 80, querem construir seus próximos passos, pois sabem que a longevidade aumentou muito. Atualmente, também é cada vez mais comum encontrar profissionais acima dos 50 anos que possuem uma bagagem excepcional e alta produtividade. No entanto, nem sempre eles trabalharam com o planejamento de suas trilhas de carreira, e, nesta fase, sentem a importância de uma preparação. “Acredito que muitos pensam ser tarde ou acham que não serão capazes. Estes pontos são comuns no início do processo. Sempre podemos mudar, melhorar, crescer, porém, temos que nos dedicar para isto”, aponta Deborah.

 

Trabalho em conjunto

A coach ainda destaca que o processo de transição deve ser tratado com atenção e o coaching é um processo que auxiliará nessa fase. O profissional fará um plano de onde quer chegar e quais são seus sonhos e objetivos, e, com base nestas diretrizes, irá traçar a sua meta. Porém, tudo requer comprometimento, disciplina e disposição, porque sempre é um trabalho a quatro mãos desenvolvido com o coach.  “É fundamental entender que existem possibilidades, mas você terá que se preparar. Devemos também pensar no curto, médio e longo prazo. Se você dará continuidade na sua trilha de carreira dentro da área que já atua, o seu nível de prontidão é um, mas se quer iniciar uma trilha nova, o seu nível de prontidão será outro. Desta forma, durante o processo de coaching você deverá desenhar os seus próximos passos”, orienta.

 

Deborah Toschi: Coach certificada pelo ICI – Integrated Coaching Institute. Sócia-Diretora da CAPIO Desenvolvimento Humano, especializada em Coaching de Carreira, Vida e Mentoria. Atuou em posições de liderança em RH durante 10 anos. Em sua trajetória, foi responsável pela condução de diversos projetos focados em estratégia de gestão de pessoas e desenvolvimento organizacional. Deborah cursou MBA em RH na FIA-USP e é formada em Psicologia pela Universidade São Marcos. deborah@capio.com.br | www.capio.com.br

Sobre Rodrigo Carvalho

Mestre em Comunicação pela UNESP de Bauru.
Jornalista graduado em Comunicação Social e pós-graduado em Gestão da Comunicação Mercadológica.
Proprietário da Carvalho Assessoria – prestação de serviços em Assessoria de Comunicação Empresarial para diferentes segmentos corporativos.
Assessor de Imprensa da AD Corretora de Seguros.
Assessor de Comunicação da Andriotti & Castro Consultoria.
Assessor de Imprensa dos eventos ‘Festieco’ (edições 2012 e 2013) e ‘Viva Bauru’ (edição 2012) organizados pela agência Projeto Cidade (Grupo Cidade).
Assessor de Imprensa do projeto de Educação Ambiental ‘OLHAR VERDE’ (2013).
Autor do livro Um Grande Sonho – Editora Paulinas.

Check Also

Os constantes desafios da liderança

Em uma pesquisa realizada no último mês de agosto, pela revista “Você RH”, foram entrevistados …

Deixe uma resposta